Menu

Introdução

O leite materno é um alimento insubstituível e fundamental para o crescimento e desenvolvimento do bebé e para a saúde da mãe. Atendendo que a idade pediátrica engloba doentes até aos 18 anos de idade, e dado que a toma de fármacos e outras substâncias ser bastante comum durante o aleitamento em mulheres com doença alérgica que fazem medicação crónica, são frequentes as dúvidas relativamente à sua segurança.

Frequência

Se não existir contraindicação ao aleitamento materno, quase todos os fármacos são compatíveis e seguros, pelo que o benefício de amamentar é usualmente superior ao risco da substância.

O que fazer

Se está a amamentar, não o deixe de fazer sem antes falar com um profissional de saúde. Informe o seu médico sobre todas as substâncias que está a tomar (incluindo medicação, suplementos, terapêuticas “alternativas”, plantas medicinais, etc.). Se tem dúvidas, peça informação adicional no seu Centro de Saúde ou Hospital.

A tabela seguinte sumariza o risco de cada fármaco em Alergologia Pediátrica para o aleitamento materno.

Download Tabela de fármacos prescritos em Alergologia Pediátrica

Prevenção / Recomendações

Na ausência de contraindicação, o aleitamento materno deve ser sempre mantido. A mulher que amamenta deve questionar o médico acerca da compatibilidade da sua medicação com o aleitamento materno, incluindo fármacos sem prescrição médica, plantas medicinais, suplementos alimentares, etc.

Idealmente, a mulher deverá ter em sua posse folhetos informativos ou acesso a plataformas online de apoio às mães que amamentam.

Saber Mais

Mais informação sobre fármacos e outras substâncias compatíveis com o aleitamento materno na plataforma online e-lactancia.org da APILAM:

  • Asociación para la Promoción e Investigación científica y cultural da la lactancia materna, disponível em http://www.e-lactancia.org.

Deseja sugerir alguma alteração para este artigo?
Existe algum tema que queira ver na Pedipedia?

Envie as suas sugestões

Newsletter

Receba notícias da Pedipedia no seu e-mail